Você pode acompanhar a discussão sobre A partícula japonesa DE sem ter que deixar um comentário. Legal, não? Basta digitar seu endereço de e-mail no formulário abaixo.